Arquivo do mês: maio 2010

OneArtDv – Galeria Vermelho

O OneDv mais uma vez esteve presente em um belo evento na Galeria Vermelho, tradicional espaço de exposições e outras frescuras que a mulecada adora, na Avenida Minas Gerais, próxima ao túnel em que a Av. Paulista desemboca na Av. Dr. Arnaldo. Só pra situar melhor você leitor, a exposição reuniu diferentes obras, performances curiosas e um espaço apertadíssimo e que continha duas rampas, uma de frente pra outra e sem copping numa sala recheada de adesivos de diferentes tipos. Além disso,o de sempre: cerveja e caipirinha de vodka a preços duvidosos.

Ao chegarmos no evento, nos deparamos com um número razoável de pessoas do lado de fora e algumas figuras conhecidas, já fomos em busca de uma cervejinha e em direção às rampas. É ai que a coisa ia comeaçar a ficar foda. As rampas ficam num espaço minúsculo, apertado, pequeno e ligeiramente claustrofóbico. Caos por toda a parte, havia uma geladeira velha que qualquer um podia espancar até a “morte” e pessoas aleatórias só observando o espetáculo. Para pegar impulso, você tinha que remar da parede em direção à rampa, não havia drop. Com apenas alguns minutos de sessão as rampas já mostraram toda sua fragilidade, a cara ollie ou kickturn mais forte um buraco novo se abria, digamos que mais da metade desse estrago deu-se graças ao nosso correspondente de Natal, Leo Fagundez. Além de destruir a rampa (literalmente, a cada ollie era um pé que entrava na madeira), o raparigo ainda conseguiu machucar o joelho numa de suas investidas. Não houveram grandes manobras, mas com certeza essa foi uma das mais engraçadas e épicas sessões da história (do OneDv, é claro). Enquanto um garotinho de 10 anos de idade destroçava a pobre geladeira, a sessão rolava e a cerveja ia molhando as palavras. Ao fim, todos resolveram entrar no clima do pivete e destruiram as rampas! Inclusive presenciamos uma cena muito impagável. Ao final da destruição, surge a gloriosíssima figura do skate nacional Rogerio Troy e profere, do fundo de toda sua sabedoria e experiência, a seguinte frase: “Porra, os caras não sabem dar Ollie, ai o que acontece..”, pobre Troy, perdeu uma sessão mágica e anárquica, da qual ele não fez falta nenhuma.

Acid Drop

Ollie to Fakie

Wallride por cima do Caos

Enfim, ao fim da sessão que durou cerca de 40 minutos (pois é..) já tinhamos registrado tudo que queríamos e não tardou para que deixássemos o recinto, já abarrotado de pessoas sedentas por uma muvuca, sob o pretexto de estarem lá em prol da arte. Leo saiu ferido e cada um de nós seguiu seu caminho para mais um fim de noite. ƒ

Texto por Joe Borges

Anúncios

OneDvApresenta – Bruno Cardoso “Girino”

Temos imenso  orgulho de apresentar-lhes Bruno Cardoso “Girino”, skatista  da região Sul da cidade de São Paulo, e mais novo habitante do OneDv. Em sessão na Praça Vinicius de Morais, ou Praça do Morumbi, como é mais conhecida, Bruno saca esse belissimo Heelflip da manga. Aguardem por mais fotos do pico e filmagens da manobra, porque o rapaz destrói e a gente faz um suspense. ♣

OnePremiereDv – Seleção Natural

No dia 11 de Maio, na Matilha Cultural, centro da cidade, ocorreu a premiere do vídeo Seleção Natural. O One-Dv foi lá prestigiar o evento, já que muitos amigos estavam envolvidos no projeto, cortesia da Rotina Filmes, com patrocínios Element, Dc Shoes e 100% Skate. Apesar da dificuldade de chegar ao local e de certos problemas em pegar o ingresso para a última sessão, nossos heróis puderam comprovar que o evento foi de primeira linha. Ao chegar ao local, ja avistamos a grande multidão de skatistas sedentos por alguns drinks, muvuca e, é claro, prestigiar e apoiar um vídeo de ótima qualidade. Muita arte envolvida, música alta e muitos figurões da gloriosa cena brasileira do skate ditaram a regra, o evento foi tão prestigiado que 4 sessões foram necessárias para que todos tivessem a chance de assistir ao vídeo. Nós, pontuais como sempre, chegamos ao fim da 2ª sessão e tivemos dificuldades em entrar pra 3ª, isso foi problema? De jeito nenhum, social e cerveja deram o ar da graça mais uma vez.  O ingresso para a sessão era distribuído na unha e cada um pegava uma tampinha simbólica com uma pata desenhada que era devolvida ao segurança na hora de subir para o segundo andar, onde a mágica acontece  (eu sei, é um pouco difícil de descrever, mas imagine um templo hindu lotado, era mais ou menos isso que acontecia aos pés da escada).

Enfim, depois de cobrir o evento, tirar muitas fotos e dar muitas risadas, chegou a nossa vez! Demos o sangue por um ingresso, acredite, inclusive tiveram alguns que nem na 4ª sessão conseguiram entrar (Leo Fagundez, que com ums marotagens ai conseguiu assistir ao vídeo mesmo assim). Por mérito nosso, que ficamos colados na escada quase 10 minutos antes de liberaram a sessão, fomos uns dos primeiros da fila, logo pegamos bons lugares para a sessão, daí pra frente a coisa só melhorou.

Agora sim, o vídeo. Não somos particularmente fãs dos vídeos nacionais (nem um pouco fãs, aliás), coisa que vem mudando constantemente, pela crescente evolução dos mesmos, como prova o Seleção Natural. O vídeo ficou com uma cara muito boa, muito interessante, com humor envolvido, vinhetas à la Radio Television da $lave entre uma parte e outra, boa filmagem e o que mais agradou, a edição. Pelo menos três partes do vídeo deixam aquele gostinho de quero mais, coisa difícil de se ver por ai, com belíssimas imagens e um belo misto entre alto nível e imagens aleatórias, de muito bom gosto por sinal. Não vamos estragar a surpresa, mas o destaque, sem sombra de dúvida, vai para a parte de J. P. Anjinho, uma das melhores partes dos últimos tempos no país. É impressionante, principalmente se você não colocar muita fé no vídeo, o que vai te quebrar a cara fácil.

Aqui vocês podem dar uma conferida no trailer do vídeo, só um tira-gosto. Para quem quiser adquirir o dvd, aqui vai o email dos caras: rotinafilmes@gmail.com

Tiramos algumas conclusões após prestigiar o evento, e com base nisso, e em muitas experiências extremamente edificantes em nossas vidas, o One-Dv recomenda veementemente três coisas: meias limpas, Kinder Ovo e Seleção Natural.Ψ

Texto por Joe Borges

OneZicaDv – De olho no Maninho

Numa noite de quinta-feira, nossos heróis munidos de uma câmera fotográfica, dois flashes, um tripê e toda uma aparelhagem, se juntaram ao guerreiro das ruas, Everton Maninho para uma sessão de fotos pela região da Paulista e Sumaré da cidade. A noite começou tensa, Leandro Furini, Jonas Borges e Leo Fagundez chegaram à Blue Square, por volta das 22h para se encontrarem com Maninho, mas este não se encontrava por lá. Depois de ligações, skate noturno e muita espera, nosso convidado de honra chega ao pico e já nos indica um bom lugar para fazer a primeira foto do dia. De lá nos dirigimos à uma velha transição caindo para a descida próxima à Avenida Sumaré, um lugar praticamente abandonado e de chão mais áspero que uma lixa de obra. Limpamos o pico e armamos a aparelhagem toda, aproximadamente meia hora de sessão, duas trombadas do skate com o flash de tripé e luz quase nula renderam um S/s Frontside Ollie de Maninho.

Da transição, nos dirigimos à tão querida Avenida Paulista, perto da região da Brigadeiro, onde fomos até a Nossa Caixa. Maninho ditou a missão, excêntrico que é, fez dessa sessão um dia único. Logo chegando ao pico, que é um perfeito quarter com pequeno tranco no chão, registrou um F/s grind na transição. Coisa rápida.

A partir de um certo momento, por volta da 1h e pouco da manhã, já estávamos exaustos e com certos problemas técnicos, como pouca bateria para os flashes e, para ajudar, o segurança de um prédio comercial não ajudou em nada na nossa missão, que era de registrar 3 fotos na noite. Chegamos no prédio e havia lá um gap grande vindo de uma lage e passando pelo jardim para o chão. Até montarmos a aparalhagem, o segurança ja chegou chiando. Foi um bláblá das duas partes: nós tentando convencê-lo e ele com aquela velha ladainha de segurança. Beleza, fomos embora bastante frustrados. Já haviamos feito 2 fotos, mas ainda faltava 1, aquela foto!! Porra, uma foto só.

Um velho conhecido nosso, esse foi o palco da 3ª foto. Tendo deixado o carro numa rua próxima ao pico, fomos remando até a esquina da Peixoto Gomide com a Paulista, perto do famoso Wallride da avenida, quando Maninho avistou um hidrante. Não deu outra, voltou uns 3 Fakie Ollies pulando este, que foram registrados na unha pela nossa produção limitada, já que só falltava ter que assoprar o flash pra ele funcionar! Glorioso, Maninho veio ver a foto, foi ai que o inusitado ocorreu. Ouvimos uma voz feminina, era uma mulher de preto, sozinha andando na rua. Ela parou e perguntou se tínhamos um cigarrinho do artista maroto, infelizmente estávamos apenas na missão fotografia. Nosso galanteador máximo se aproximou da garota e já jogou todo seu charme das ruas sobre ela. Esta não resistiu e os pombinhos foram embora juntos pela Avenida. Maninho se despediu de nós em grande estilo. A sessão tardia rendeu, e muito. Cumprimos nossa missão, e pelo jeito, nosso convidado de honra também. Garotas, fiquem de olho no Maninho.¤

Texto por Joe Borges

S/s Frontside Ollie

F/s Grind

Fakie Ollie